Projeto Semear no Ressurreição Santa Maria

projeto_semear_2

projeto_semear_2

Colégio Ressurreição Santa Maria – Assis – SP

Projeto Semear

O Projeto Semear tem como meta levar os alunos a pensar, refletir e meditar…
Sentir que eles são agentes transformadores de si mesmo, família e mundo…

1- Projeto
2- Converter
3- Acreditar

Primeiro: Qual era o projeto de Jesus?
Segundo: Conversão de pés (Papa Francisco / Paulo Freire)…
Terceiro: A Boa Nova

É um projeto ecumênico que acontece na sala de aula uma vez por semana, com duração de 15 minutos.
Contempla os alunos do sexto ano ao terceiro do ensino médio e tenho por hábito caminhar pelos corredores do colégio, salas de aula, e pátio durante toda a semana no período da manhã. A tarde e a noite realizo pastoral fora dos muros das escolas: Pastoral Carcerária, Pastoral da Saúde f v, Equipe de N.Sra, Associação do Câncer e Pequeninos do Senhor.
Amo a vida de pastoral, já vivenciei muito isso fora dos colégios.
Agora, dentro, estou sentindo um desafio, (adoro desafio), mas está sendo muito bom…em primeiro lugar pra mim mesma como pessoa, religiosa, enfermeira e educadora. É claro que aos poucos vou junto com Jesus chegar aos corações dos alunos que é nossa meta maior…eles são nossos ‘tesouros’ e passam uma parte de sua vida aqui conosco.
A escola católica tem como objetivo formar pessoas humanas e solidárias. “Escola católica é sentir o amor desde o porteiro até a direção, é sentir a alma um do outro.”
“Quebrando ego você encontra Deus na hora”
Orar a partir de dentro…
Enfim CF:2016 “Casa comum, nossa responsabilidade” ecumênica
“Quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que não seca”
(Amós 5,24)

projeto_semear_1Obrigada Senhor por esta oportunidade de estar com nossos alunos…
Eu te louvo ó Pai pela Vidaaaaaaaaa, por tentar ressurgir cada dia.
Encerro está pedindo a Deus que nos conceda a graça da Pastoral no Colégio, debates, grupos de estudos de pensar globalmente mas agir localmente.

Nossa Senhora da Ressurreição! Rogai por nós.
Amém
Irmã Ideni Bernardes

 

 

Os comentários estão fechados.